Info by Masavio Fale Conosco
  • Heartbleed: a mais grave falha de segurança na web. Fique esperto, troque suas senhas.

    Cerca de dois terços dos servidores da web foram afetados pela falha de segurança Heartbleed, deixando empresas, sites e usuários em alerta. 

    O OpenSSL já tenha recebeu um patch que corrige a brecha, não o grave é que  ela esteve aberta por dois anos, pelo menos. Companhias de todo o mundo foram alertadas para a trocar das combinações de certificados. 

    O mesmo deve ser feito pelos usuários com suas senhas. Alguns dos sites e aplicativos afetados foram o Facebook, Google, Yahoo!, Tumblr e Dropbox, que usam o OpenSSL para encriptar seus dados. Eles afirmam que já corrigiram o erro, mas da correção para trás, ninguém garante se seus dados foram capturados ou não.

    Na dúvida, troque a senha o quanto antes.


    Em 12/04/14, 15:28 Comente!
  • Office 365 já está disponível para Ipad

    A Microsoft anunciou no último dia 27 de março o lançamento do Office 365 para iPad com os aplicativos para Word, Excel, e PowerPoint. E, caso o usuário seja assinante do Office 365, ele pode obter a versão para o dispositivo da Apple sem que seja cobrada uma taxa extra por isso.

    Vale lembrar que a versão gratuita permite apenas que o usuário leia e apresente documentos.


    As ferramentas de colaboração também funcionarão nessa versão para o iPad, permitindo que os usuários compartilhem e vejam edições e marcações em um documento do Word, por exemplo.


    Em 29/03/14, 15:16 Comente!
  • Teresina sedia seminário sobre política e redes sociais

    O Partido Progressista e a Fundação Milton Campos realizam neste sábado, 29, o seminário â€œA Nova Política em Tempo de Redes Sociais”, com a presença do senador Ciro Nogueira, deputada federal Iracema Portella, deputada estadual Margarete Coelho e dos presidentes do PP estadual e municipal, Júlio Arcoverde e R. Silva. A senadora Ana Amélia Lemos, do PP-RS, também estará em Teresina. Ela é considerada um fenômeno nas redes sociais, com mais de 75 mil seguidores no Facebook. 
     
    Para a deputada federal Iracema Portella, os seminários realizados pelo PP em todo o país são uma prova de que o partido está atento aos anseios dos cidadãos. "As redes sociais vão fazer a diferença nas eleições deste ano, como estão fazendo a diferença na política já há algum tempo. A proximidade que o Facebook e o Twitter permitem faz com que a comunicação entre o político e o eleitor seja mais rápida e eficiente", destaca a deputada, que utiliza as redes sociais diariamente para prestação de contas do mandato na Câmara Federal. 
     
    O seminário vai prestar informações sobre a utilização das mídias online e digitais, que serão amplamente utilizadas no pleito deste ano.
            
    O evento terá palestras do publicitário e escritor André Torretta, autor do livro "Como Ganhar Seu Voto: Marketing Político", e do especialista em Marketing Digital Paulo Oliveira. A mediação será do jornalista Mateus Lara.
     
    O seminário acontecerá no Espaço Luiz Pires do Atlantic City Club, a partir das 8h. As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas no horário do evento. 
     
    A Fundação Milton Campos tem como objetivo promover o estudo e a reflexão crítica sobre a realidade brasileira e estimular o exercício consciente da cidadania. A entidade também desenvolve estudos, pesquisas, debates, cursos e outros eventos. No Piauí, já realizou seminários sobre Mobilidade Urbana, Turismo Sustentável, Formação Política e também o Drogas - Por Quê?, voltado para profissionais de saúde, educação e assistência social.


    Em 28/03/14, 16:45 Comente!
  • O assunto agora é SEXO!

    Dados interessantes sobre Sexo e Internet foram levantados pela Agência Iinterativa e transformados em um belo gráfico, ou, para não perder a piada, um "pornográfico"



    Em 26/03/14, 12:01 Comente!
  • Marco Civil agora vai para o Senado Federal


    Depois de dois anos e sete meses de embates, negociações e intensos lobbys, a Câmara dos Deputados aprovou no dia 25 de março o texto principal do Marco Civil da Internet. 

    O texto agora segue para aprovação do Senado. O Marco Civil da Internet se tornou polêmico pela briga de interesses entre Palácio do Planalto, empresas de telecomunicações, sites de internet, Polícia Federal e Ministério Público, além das entidades de defesa do consumidor.

    A maior resistência ao texto foi puxada pelo PMDB que defendia mudanças nos termos da neutralidade da rede –jargão utilizado para que a velocidade de conexão contratada não pode variar de acordo com o site ou programa acessado pelo usuário.

    Trata-se de uma medida popular para os usuários, mas contestada pelas empresas de telefonia, que gostariam de comercializar pacotes de acordo com o nível de consumo de cada usuário.

    Com isso, as teles ficam obrigadas a manter o consumo livre. Assim, o usuário pode navegar por onde quiser no limite de seu pacote de dados contratados e da velocidade contratada.

    O Planalto aceitou ajustar as normas para regulamentação da neutralidade e estabeleceu que um decreto presidencial detalhará o conceito da neutralidade, sem inovar no conteúdo. 

    Outra modificação patrocinada pelo governo para evitar uma derrota na Câmara foi a retirada da exigência de nacionalização dos centros de armazenamento dos dados dos usuários. Essa era uma das medidas defendidas pela presidente Dilma Rousseff como forma de responder às notícias de espionagem dos EUA contra autoridades brasileiras.

    Ficou definido, porém, que os dados ficam submetidos à legislação brasileira. O projeto também considera nulas as cláusulas contratuais de qualquer programa que não ofereça ao usuário alternativa de recorrer ao foro brasileiro se encontrar problemas com a prestação de serviços no Brasil.

    Fonte: Folha/SP


    Em 26/03/14, 08:48 Comente!
  • Rádio Comax comemora um ano de transmissão via internet

    Boa música, notícias e agora informações sobre o mundo da contabilidade e prestação de serviços. É com este perfil bastante variado que a Rádio Comax comemora um ano de sucesso de transmissão via internet. A Rádio, que tem em média 250 ouvintes diários, é acessada tanto pelo  sitewww.comaxcontabilidade.com.brcomo por meio de aplicativos para smartphones e tablets.

    Acesso nos dispositivos móveis
    O jornalista e webdesigner Marco Sávio, responsável pela criação e manutenção da Rádio, explica que para ter acesso à transmissão nos dispositivos móveis para Iphone e Ipad, basta baixar o aplicativo exclusivo na APP Store. A instalação pode ser feita por meio deste link: bit.ly/11Jjqq3. O aplicativo já foi baixado mais de 500 vezes na App Store.

    Para acesso nos dispositivos com o sistema "Android" é necessário baixar o aplicativo “Iradios” no site https://play.google.com/store. Com ele instalado, pesquisar pelo nome da “Rádio Comax” e curtir a transmissão.


    Em 24/03/14, 15:41 Comente!
  • Tim Berners-Lee: Marco Civil será o melhor presente para o aniversário da web

    Tim Berners-Lee, criador da World Wide Web, divulgou hoje uma carta de apoio ao Marco Civil. Segundo ele, sua aprovação seria o melhor presente de aniversário para os usuários da internet, neste mês em que a web completa 25 anos. Para o pai da rede mundial de computadores, o Marco Civil afirmaria o Brasil como um líder mundial na democracia e no progresso social.


    Confira abaixo a carta completa e traduzida, divulgada pela World Wide Web Foundation:


    "Neste 25º aniversário da Web, pessoas em todos os cantos exigem que seus direitos individuais estejam protegidos também no ambiente virtual. A criação do Marco Civil, sem mais demoras ou alterações, será o melhor presente de aniversário para os usuários da Web, não só do Brasil como de todo o mundo.


    Espero que, ao aprovar este projeto de lei, o Brasil concretize a sua louvável reputação como líder mundial em democracia e progresso social, e ajude a inaugurar uma nova era, na qual os direitos dos cidadãos em todo o mundo sejam protegidos por leis específicas para o mundo digital.


    "Assim como a Web, o Marco Civil foi construído e elaborado por seus usuários - o processo inovador, inclusivo e participativo resultou em uma política que equilibra direitos e responsabilidades dos indivíduos, governos e empresas que usam a Internet. Claro, ainda há discussão em torno de algumas questões, mas, em última análise, o projeto de lei reflete a Internet como deveria ser:uma rede aberta, neutra e descentralizada, em que os usuários são o motor para a colaboração e inovação.


    É elogiável que o projeto de lei tenha, entre seus fundamentos, a garantia de direitos humanos tais como a privacidade, a cidadania e a preservação da diversidade e da finalidade social da web."


    E, abaixo, o texto original:


    “In this, the Web’s 25th anniversary year, people everywhere are demanding that their human rights are protected online. If Marco Civil is passed, without further delay or amendment, this would be the best possible birthday gift for Brazilian and global Web users. I hope that by passing this Bill, Brazil will cement its proud reputation as a world leader on democracy and social progress and will help to usher in a new era – one where citizens’ rights in every country around the world are protected by digital bills of rights.


    “Like the Web, Marco Civil has been built by its users – the groundbreaking, inclusive and participatory process has resulted in a policy that balances the rights and responsibilities of the individuals, governments and corporations who use the Internet. Of course, there is still discussion around some areas, but ultimately the draft Bill reflects the Internet as it should be: an open, neutral and decentralized network, in which users are the engine for collaboration and innovation. Commendably, the Bill has among its foundations the guarantee of human rights such as privacy, of citizenship and the preservation of the diversity and the social purpose of the web.”


    Fonte: http://www.mudamais.com


    Em 24/03/14, 15:17 Comente!
  • TV usa tecnologia que aproxima imagem da visão natural humana

    Um dos principais equipamentos de comunicação e entretenimento das famílias brasileiras, a televisão vem mantendo sua importância através de novas tecnologias que primam pela interação e o envolvimento dos espectadores. A mais recente inovação nesse âmbito é a tecnologia OLED, desenvolvida pela LG, e já disponível nas lojas. A nova TV é capaz de gerar imagem e som mais próximos da realidade, envolvendo ainda mais o espectador.


    A LG Curved OLED TV tem uma curvatura que proporciona perfeito ângulo de visão, evitando distorções e aproximando a imagem da visão natural do ser humano. Além disso, a tela de 55” é hiper fina e o peso é bem inferior ao da maior parte dos televisores de mesmo tamanho. Complementando o design inovador, a base é de cristal, totalmente transparente. 


    “A TV OLED veio para revolucionar ainda mais o seguimento de TVs. Além de uma excepcional qualidade de imagem, com a tela curvada, ela dá uma sensação maior de interatividade com o conteúdo que está sendo transmitido”, explica Paulo Joabne, analista de compras da Ibyte.


    Para que as cores tenham um desempenho melhor, o aparelho conta com quatro tipos de pixels, adicionando um sub-pixel branco que tanto aumenta a quantidade de cores geradas pela tela, quanto melhora a qualidade delas. Os pixels também são iluminados individualmente, possibilitando atingir um nível muito alto de contraste. A qualidade de imagem ainda é ampliada devido ao tempo de resposta da TV, até mil vezes superior a de outras.


    O objetivo de ficar o mais próximo do real está presente ainda no sistema 3D, que funciona com a mesma tecnologia usada nas salas de cinema. Combinando com a imagem, a TV tem sistema de som de dois canais, que consiste em finas colunas de cinema com uma película de cerâmica. A tecnologia produz um som limpo mesmo nas frequências muito altas ou baixas.


    No quesito interatividade, a TV conta com os principais aplicativos do mercado, incluindo itens como locadora virtual, comunicação a distância, e redes sociais. Além disso, o equipamento conta com a tecnologia NFC para transferência de dados entre dispositivos sem fio. Com isso, é possível passar tanto o que está na tela de um outro dispositivo (como celular ou tablet) para a TV, como também fazer o inverso, passando o que é transmitido na TV para outro gadget.



    Em 24/03/14, 15:16 Comente!
  • O uso das redes sociais é tema do Seminário da Juventude. Evento acontece dia 29/03

    O uso das redes sociais será o grande diferencial das campanhas políticas este ano. É este o principal tema do Seminário da Juventude, que acontece no próximo dia 29 de março em Teresina, com palestras do jornalista Nino Carvalho, um dos pioneiros do mercado digital no Brasil, que atua na área há mais de 15 anos, e do publicitário e escritor André Torretta. 

    As inscrições são gratuitas e para mais informações ligue 3221-6654.



    Em 20/03/14, 21:23 Comente!
  • Um ano de assinatura grátis da Revista Cidade Verde. Saiba como concorrer e ganhar!

    Poste nas redes sociais uma SELFIE (sua foto) com a Revista Cidade Verde e concorra a 01 ano de assinatura grátis.


    Mensalmente, a foto mais criativa ganhará a 01 ano de assinatura da revista. Além disso, o autor da foto mais curtida no Facebook receberá uma coleção da RCV. E ainda, as melhores fotos serão publicadas a cada mês. A promoção “Eu leio RCV!” vale até o final de 2014.


    Em 17/03/14, 16:22 Comente!
  • Viber na cola do Zap Zap

    O aplicativo de comunicação instantânea Viber (disponível para IOS e Android) quer crescer e chegar ainda mais perto do concorrente Whatsapp! para isso está com uma super campanha (temporária) para atrair novos usuários: ligação grátis para telefone fixo. A novidade veio depois que o whatsapp anunciou que em breve irá liberar ligação gratuita entre seus usuários no aplicativo.

    O Whatsapp tem 460 milhões de usuários. O Viber tem 400 milhões. Briga boa que beneficia a nós usuários!


    Em 12/03/14, 09:03 Comente!
  • Inscrições abertas para a XI Semana Científica da FACID | DeVry


    Com o tema “Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente, a XI Semana Científica da FACID | DeVry promete ser mais uma vez o ponto de referência para o aprofundamento de questões técnico-científicas pertinentes à comunidade acadêmica do Estado. O evento acontece de 22 a 25 de abril na sede da Faculdade e engloba ainda o  Encontro de Ética em Pesquisa e as jornadas dos cursos de graduação da Instituição de Ensino.


     

    Durante a XI Semana Científica serão realizados cursos, minicursos, palestras, seminários, workshops, mesas-redondas, simpósios, apresentação de dissertações e teses, conferências, ciclo de palestras, exposições e apresentações de trabalhos científicos.

     

    Consolidada como um dos maiores eventos científicos na área de educação superior no Piauí, a Semana aborda, discute e compartilha conhecimentos por meio de temas de interesse da sociedade. A programação completa será disponibilizada em breve.


    Para quem está se preparando para o evento, a boa notícia é que as inscrições estão abertas para acadêmicos de qualquer Instituição de Ensino Superior e também para profissionais e professores. As vagas são limitadas. O envio de trabalhos vai até o próximo dia 28 de fevereiro de 2014.


    Confira o valor da inscrição e os links logo abaixo:

     

    Valor da Inscrição

    Até 28 de fevereiro

    R$ 25,00 estudante

    R$ 35,00 profissional

    Depois de 28 de fevereiro

    R$ 30,00 estudante

    R$ 40,00 profissional

     

    Valor dos Cursos: R$10,00

    Valor dos Minicursos: R$ 5,00

     

    Portal do Participante:
    http://p.inforgeneses.com.br/eventos/portal/login.php?ei=pp_jnUbKMo_3




    Inscrição do evento:
    http://p.inforgeneses.com.br/eventos/inscricao_semana/index.php?ei=pp_jnUbKMo_3&evi=K7mPg-Vipp_jnUbKMo_3


    
Inscrição da comissão organizadora:
    http://p.inforgeneses.com.br/eventos/inscricao_comissao/index.php?ei=pp_jnUbKMo_3&evi=K7mPg-Vipp_jnUbKMo_3


    Em 10/02/14, 09:57 Comente!
  • Classificados se adaptam a era digital

    Ao procurar por um carro, imóvel ou mesmo uma vaga de emprego, é natural que as pessoas consultem os classificados do jornal local. Não é uma trabalho agradável. Perdem­-se algumas boas horas até achar um anúncio do seu interesse. Por sorte, esta prática parece estar com os dias contatos, pois assim como os jornais, os classificados se reinventam para se adaptar a era digital.

    Um exemplo desta tendência é o site Glix, que usa um sistema de busca parecido com o Google, mas com foco em anúncios de carro, imóveis e empregos. Ele utiliza diversas tecnologias que agilizam a busca dos termos procurados. A interface do site é bem limpa, sem banners e outros itens de publicidade que acabam atrapalhando a navegação.

    O site possui um sistema de categorias e palavras ­chaves que torna mais fácil encontrar aquilo que você está procurando. Seu mecanismo de busca segue a mesma lógica dos utilizados pelo Google,Yahoo e Bing. A informação é disponibilizada na rede em formato de páginas, anúncios ou hotsites. Uma vez inserido o termo de pesquisa, ele buscará termos relevantes existentes no texto, as chamadas keywords ou palavras­chaves. Os resultados que possuírem mais incidências e relevância dentre os termos procurados aparecem nos primeiros resultados.

    Por exemplo, quando você digita no campo de busca do Glix a palavra “Fiat Uno 2013” o sistema efetua uma busca pelo nome do veículo. Terminada a pesquisa, ele exibirá uma lista contendo os resultados, estes por sua vez, podem ser filtrados por uma cidade específica ou mesmo pelo tipo de veículo (novo ou usado). 


    Em 10/02/14, 09:53 Comente!
  • SAMU poderá ser acionado pelo Facebook

    O Ministério da Saúde anunciou um aplicativo que permite aos internautas acionarem o SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) por meio do Facebook.

    Como aponta o Ministério, o usuário pode usar o app para acionar o serviço do SAMU com apenas um toque e então acompanhar o trajeto da ambulância por meio do aplicativo de mapas Waze, comprado pelo Google no ano passado.

    Inicialmente, o app gratuito será testados no Carnaval de Salvador, na Bahia, e durante a Copa do Mundo 2014, que acontece no país.

    Antes de poder usar o serviço, o usuário precisa fornecer algumas informações de saúde ao aplicativo, como se possui plano de saúde, e se é hipertenso, diabétido ou tem alguma alergia. Esses dados ficarão disponíveis para a equipe que vai prestar o socorro.

    Além disso, como o app é sincronizado com o Facebook, o usuário pode escolher parentes e amigos que serão acionados, de forma automático, em caso de emergência – ou seja, quando o usuário acionar o SAMU pelo aplicativo.

    O objetivo é que a novidade diminua o tempo dos atendimentos, já que o app fornece diversas informações de forma automatizada e instantânea ao sistema.

    Confira vídeo aqui


    Em 04/02/14, 09:31 Comente!
  • Notebooks híbridos: Windows Tablet 2 em 1


    Híbridos, multiusos ou conversíveis, o 2 em 1 agrega em um só equipamento a potência de um notebook e a mobilidade de um tablet. A aposta nesse segmento é grande e as maiores marcas estão com lançamentos agendados para esse ano.

     

    Seguindo essa tendência e apostando em um 2 em 1 com sistema operacional Windows 8 da Microsoft, a Ibyte lança o Duobyte. O novo produto é um notebook com tela Multitouch de 11.6” que pode ser completamente desconectada do teclado, transformando-se num tablet.  Além do Windows 8, o gadget tem processador Intel Dual Core e uma memória de armazenamento de 64GB, além da memória do sistema de 4GB, que permite rodar programas e aplicativos com bastante eficiência.

     

    O principal desafio na concepção desses equipamentos é aliar as configurações necessárias para um notebook com o peso ideal para um tablet. Por isso, a Ibyte aposta em um modelo com teclado destacável, diferente dos que simplesmente giram a tela, para diminuir ainda mais o peso do tablet, melhorando a usabilidade.

     

    O dispositivo conta ainda com duas câmeras, sendo uma frontal e outra traseira, e bateria com duração de 4h30min. As outras comodidades oferecidas pelo Duobyte incluem Wireless, Bluetooth, duas entradas USB 3.0, entrada micro HDMI e leitor de micro SD. O produto é voltado para consumidores de todas as idades que buscam alta performance e entretenimento num só aparelho.

     

    Especificações:

    Sistema Windows 8 SST

    CPU Intel Celeron 1037U (180 GHz)/ Chipset: NM70

    Memória do sistema 4 GB

    Armazenamento 64 GB SSD

    Painel LED de 11.6” com resolução de 1366*768 (Multitouch 10 pontos capacitiva)

    Suporte para Cartão Micro SD

    Rede wireless WIFI/Bluetooth Combo: Intel Centrino Wireless-N 135 802.11b/g/n,

    Câmera digital Câmera frontal incorporada: 1.0M

    Câmera traseira incorporada: Câmera 2.0 MPx

    Sensor G

    Sensor de luz ambiente

    Fonte de alimentação 19V/2.1ª/ INPUT 100-240V/50-60 Hz 1.5A/ OUTPUT 19V/2.1A

    Bateria com autonomia de 4h30min

    Tamanho: Aproximadamente 296*194,6*13,7mm

    Peso 1400 g


    Em 04/02/14, 09:25 Comente!
  • Tablets do governo chegam em 2014 a professores do ensino fundamental

    O Ministério da Educação (MEC) vai começar a distribuir tablets a professores do 6º ao 9º ano do ensino fundamental de escolas públicas em 2014. O anúncio foi feito ontem (25/11) pelo ministro da Educação, Aloizio Mercadante. Segundo ele, os professores deverão ser capacitados para usar o equipamento também no ano que vem.

    A intenção da pasta é que todos os professores da rede pública tenham o próprio tablet. A distribuição começou com os professores do ensino médio. O educador tem acesso pelo tablet a conteúdos específicos, cujo objetivo é tornar as aulas mais atraentes.

    Segundo o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), foram comprados mais de 460 mil tablets para professores do ensino médio. Ainda não há previsão de quantos professores do ensino fundamental serão contemplados em 2014. De acordo com dados do Censo de 2012, são mais de 800 mil professores na etapa. 


    Em 27/11/13, 13:05 Comente!
  • Black Friday


    Nesta sexta-feira 29, acontece a quarta edição do Black Friday, evento de compras online mais esperado do ano, onde as principais lojas virtuais oferecem vários descontos.  


    A loja virtual da Ibyte também aderiu o Black Friday e oferece descontos que podem chegar até 50% e ainda parcelar em até 12 vezes sem juros. Entre os produtos podem ser encontrados: TVs, Smartphones, Celulares, Tablets, Computadores, Notebooks, Impressoras e Games.  


    O Black Friday é uma ótima oportunidade para quem deseja antecipar as compras de final do ano, natal e amigo secreto, com toda comodidade e segurança.


    Neste ano, o consumidor tem mais opções de denunciar possíveis golpes na data, podendo entrar em contato com canais como o Procon ou sites de reclamação, como o Reclame Aqui.


    Em 27/11/13, 11:45 Comente!
  • Infográfico mostra mudanças nos costumes de consumidores brs e latinos


    Em 21/11/13, 11:24 Comente!
  • As doenças que surgiram ou pioraram com o uso compulsivo da internet

    A Internet é um buffet infinito de vídeos de gatos, TV e Instagrams de celebridades. Mas ela também pode estar aos poucos levando você à beira da insanidade. E não estamos aqui usando nenhuma figura de linguagem.


    À medida que a Internet evoluiu para ser onipresente da vida moderna, testemunhamos o aumento de uma série de transtornos mentais distintos ligados diretamente ao uso da tecnologia digital. Até recentemente, esses problemas, amenos ou destrutivos, não tinham sido reconhecidos oficialmente pela comunidade médica.

    Algumas dessas desordens são novas versões de aflições antigas, renovadas pela era da banda larga móvel, enquanto outras são criaturas completamente novas. Não fique surpreso se você sentir uma pontinha de – pelo menos – uma ou duas delas.

    Nomophobia
    O que é: a ansiedade que surge por não ter acesso a um dispositivo móvel. O termo “Nomophobia” é uma abreviatura de “no-mobile phobia” (medo de ficar sem telefone móvel).

    Sabe aquela horrível sensação de estar desconectado quando acaba a bateria do seu celular e não há tomada elétrica disponível? Para alguns de nós, há um caminho neural que associa diretamente essa sensação desconfortável de privação tecnológica a um tremendo ataque de ansiedade.

    A nomophobia é o aumento acentuado da ansiedade que algumas pessoas sentem quando são separadas de seus telefones. E não se engane, pois não se trata de um #FirstWorldProblem (problema de primeiro mundo). O distúrbio pode ter efeitos negativos muito reais na vida das pessoas no mundo todo. E é mais intenso nos heavy users de dispositivos móveis

    Tanto que essa condição encontrou seu caminho na mais recente edição doDiagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders (DSM-5, ou Manual Diagnóstico e Estatístico de Distúrbios Mentais) e levou a um programa de tratamento dedicado à Nomophobia no Centro de Recuperação Morningside em Newport Beach, Califórnia.

    “Estamos condicionados a prestar atenção às notificações dos nossos telefones”, disse Rosen. “Somos como os cães de Pavlov, de certa forma. Você vê as pessoas pegarem seus celulares e dois minutos depois fazerem a mesma coisa, mesmo que nada tenha ocorrido. Isso é impulsionado pela ação reflexa, bem como pela ansiedade para se certificar de que não ter perdido nada. É tudo parte da reação FOMO (Fear Of Missing Out, ou medo de estar perdendo algo).”

    Síndrome do toque fantasma
    O que é: quando o seu cérebro faz com que você pense que seu celular está vibrando no seu bolso (ou bolsa, se você preferir).

    Alguma vez você já tirou o telefone do bolso porque o sentiu tocar e percebeu depois que ele estava no silencioso o tempo todo? E, ainda mais estranho, ele nem estava no seu bolso para começo de conversa? Você pode estar delirando um pouco, mas não está sozinho.

    Segundo o Dr. Larry Rosen, autor do livro iDisorder, 70% dos heavy users (usuários intensivos) de dispositivos móveis já relataram ter experimentado o telefone tocando ou vibrando mesmo sem ter recebido nenhuma ligação. Tudo graças a mecanismos de resposta perdidos em nossos cérebros.

    “Provavelmente sempre sentimos um leve formigamento no nosso bolso. Há algumas décadas nós teríamos apenas assumido que isso era uma leve coceira e teríamos coçado”, diz Rosen em entrevista ao TechHive.
    “Mas agora, nós configuramos o nosso mundo social para girar em torno dessa pequena caixa em nosso bolso. Então, sempre que sentimos um formigamento, recebemos uma explosão de neurotransmissores do nosso cérebro que podem causar tanto ansiedade quanto prazer e nos preparam para agir. Mas ao invés de achar que é uma coceira, reagimos como se fosse o telefone que temos que atender prontamente”, completa.

    No futuro, com a computação vestível, há o risco da doença evoluir para novas formas, como, por exemplo, usuários de Google Glass começarem a ver coisas que não existem porque seu cérebro está ligado a sinais típicos do aparelho.

    Náusea Digital (Cybersickness)

    O que é: a desorientação e vertigem que algumas pessoas sentem quando interagem com determinados ambientes digitais.

    A última versão do iOS, sistema operacional móvel da Apple, é uma reivenção plana, versátil e bonita da interface do usuário móvel. Infelizmente, ela também faz as pessoas vomitarem e forneceu o mais recente exemplo da doença.

    Assim que a nova versão do iOS foi liberada para os usuários de iPhone e iPad no mês passado, os fóruns de suporte da Apple começaram a encher com reclamações de pessoas que sentem desorientação e náuseas depois de usar a nova interface.

    Isso tem sido atribuído em grande parte ao efeito que faz com que os ícones e a tela de abertura pareçam estar se movendo dentro de um mundo tridimensional abaixo do visor de vidro.

    Essas tonturas e náuseas resultantes de um ambiente virtual foram apelidadas de ciberdoença. O termo surgiu na década de 1990 para descrever a sensação de desorientação vivida por usuários iniciais de sistemas de realidade virtual. É basicamente o nosso cérebro sendo enganado e ficando enjoado por conta da sensação de movimento quando não estamos realmente nos movimentando.

    Depressão de Facebook

    O que é: a depressão causada por interações sociais (ou a falta de) no Facebook.

    Os seres humanos são criaturas sociais. Então você pode pensar que o aumento da comunicação facilitada pelas mídias sociais faria todos nós mais felizes e mais contentes. Na verdade, o oposto é que parece ser verdade.

    Um estudo da Universidade de Michigan mostra que o grau de depressão entre jovens corresponde diretamente ao montante de tempo que eles gastam no Facebook.

    Uma possível razão é que as pessoas tendem a postar apenas as boas notícias sobre eles mesmos na rede social: férias, promoções, fotos de festas, etc. Então é super fácil cair na falsa crença de que todos estão vivendo vidas muito mais felizes e bem-sucedidas que você (quando isso pode não ser o caso).

    Tenha em mente que esse crescimento da interação das mídias sociais não tem que levar ao desespero.

    O Dr. Rosen também conduziu um estudo sobre o estado emocional dos usuários do Facebook e identificou que, enquanto realmente há uma relação entre o uso do Facebook e problemas emocionais como depressão, os usuários que possuem um grande número de amigos na rede social mostraram ter menor incidência de tensão emocional.

    Isso é particularmente verdade quando o uso da mídia social é combinado com outras formas de comunicação, como falar ao telefone.

    Moral da história: 1) não acredite em tudo o que seus amigos postam no Facebook e 2) pegue o telefone de vez em quando.

    Transtorno de Dependência da Internet
    O que é: uma vontade constante e não saudável de acessar à Internet.

    O Transtorno de Dependência da Internet (por vezes referido como Uso Problemático da Internet) é o uso excessivo e irracional da Internet que interfere na vida cotidiana. Os termos “dependência” e “transtorno” são um pouco controversos na comunidade médica, já que a utilização compulsiva da Internet é vista frequentemente como sintoma de um problema maior, em vez de ser considerada a própria doença.

    “Diagnósticos duplos fazem parte de tratamentos, de modo que o problema está associado a outras doenças, como depressão, TOC, Transtorno de Déficit de Atenção e ansiedade social”, diz a Dra. Kimberly Young. A médica é responsável pelo Centro de Dependência da Internet, que trata de inúmeras formas de dependência à rede, como o vício de jogos online e jogos de azar, e vício em cibersexo.

    Além disso, ela identificou que formas de vício de Internet geralmente podem ser atribuídas a “baixa autoestima, baixa autossuficiência e habilidades ruins”.

    Vício de jogos online

    O que é: uma necessidade não saudável de acessar jogos multiplayer online.

    De acordo com um estudo de 2010 financiado pelo governo da Coreia do Sul, cerca de 18% da população com idades entre 9 e 39 anos sofrem de dependência de jogos online. O país inclusive promulgou uma lei chamada “Lei Cinderela”, que corta o acesso a games online entre a meia-noite e às 6 da manhã para usuários com menos de 16 anos em todo o país.

    Embora existam poucas estatísticas confiáveis ​​sobre o vício em videogames nos Estados Unidos, o número de grupos de ajuda online especificamente destinados a essa aflição aumentou nos últimos anos. Exemplos incluem o Centro para Viciados em Jogos Online e o Online Gamers Anonymous, que formou o seu próprio programa de recuperação de 12 passos.

    Embora a atual edição do Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders não reconheça o vício em jogos online como um transtorno único, a Associação Psiquiátrica Americana decidiu incluí-lo em seu índice (ou seção III), o que significa que estará sujeito a mais pesquisa e pode eventualmente ser incluído junto a outras dependências não baseadas em substâncias químicas, como o vício em jogos de azar.

    “Quando você é dependente de algo, seu cérebro basicamente está informando que precisa de certas substâncias neurotransmissoras, particularmente a dopamina e a serotonina, para se sentir bem”, diz o Dr. Rosen. “O cérebro aprende rapidamente que certas atividades vão liberar essas substâncias químicas. Se você é um viciado em jogos de azar, tal atividade é o jogo. Se você é um viciado em jogos online, então a atividade é jogar vídeogames. E a necessidade de receber os neurotransmissores exige que você faça repetidamente a atividade para se sentir bem.”

    Cibercondria, ou hipocondria digital
    O que é: a tendência de acreditar que você tem doenças sobre as quais leu online.

    O corpo humano é um magnífico apanhado de surpresas que constantemente nos presenteia com dores misteriosas, aflições e pequenos inchaços que não estavam ali da última vez que verificamos. Na maioria das vezes, essas pequenas anormalidades não dão em nada.

    Mas os vastos arquivos de literatura médica disponíveis online permitem que a nossa imaginação corra solta em todos os tipos de pesadelos médicos!

    Teve uma dor de cabeça? Provavelmente não é nada. Mas, de novo, a WebMD diz que essas dores de cabeça são um dos sintomas de tumor no cérebro. Há uma chance de você morrer muito em breve! É esse o tipo de pensamento que passa pela cabeça de um cibercondríaco – que juntam fatores médicos para chegar às piores conclusões possíveis.

    E isso está longe de ser incomum. Em 2008, um estudo da Microsoft descobriu que autodiagnósticos feitos a partir de ferramentas de busca online geralmente levam os “buscadores aflitos” a concluir o pior. A hipocondria sempre existiu, claro, mas antes as pessoas não tinham a Internet para ajudar a pesquisar informações médicas às três da manhã. A cibercondria é apenas uma hipocondria com conexão banda larga.

    “A Internet pode exarcebar os sentimentos existentes de hipocondria e, em alguns casos, causar novas ansiedades. Porque há muita informação médica lá fora, e algumas são reais e válidas e outras contraditórias”, disse o Dr. Rosen. “Mas, na Internet, a maioria das pessoas não pratica a leitura literal da informação. Você pode encontrar uma maneira de transformar qualquer sintoma em milhares de doenças terríveis. Você alimenta essa sensação de que está ficando doente.”

    O efeito Google
    O que é: a tendência do cérebro humano de reter menos informação porque ele sabe que as respostas estão ao alcance de alguns cliques.

    Graças à Internet, um indivíduo pode facilmente acessar quase toda a informação que a civilização armazenou ao longo de toda sua vida. Acontece que essa vantagem acabou alterando a forma como nosso cérebro funciona.

    Identificada algumas vezes como “The Google Effect” (ou efeito Google) as pesquisas mostram que o acesso ilimitado à informação faz com que nossos cérebros retenham menos informações. Ficamos preguiçosos. Em algum lugar do nosso cérebro está o pensamento “eu não preciso memorizar isso porque posso achar no Google mais tarde”.

    Segundo o Dr. Rosen, o Efeito Google não é necessariamente uma coisa ruim. Ele poderia ser visto como o marco de uma mudança social, uma evolução que apontaria para o nascimento de uma população mais esperta e mais informada. Mas também é possível, admite ele, que tenha resultados negativos em certas situações. Por exemplo, um jovem adolescente não memorizar a matéria das provas porque ele sabe que a informação estará no Google quando ele precisar, diz o médico.

    Fonte: Evan Dashevsky, TechHive.com 


    Em 22/10/13, 22:51 Comente!
  • Inscrições abertas para Oficina de Empreendedorismo Digital

    Acontecerá nos dias 8 e 9 de novembro de 2013, a Oficina de Empreendedorismo Digital (#OED2013), no auditório do SEBRAE, promovida pela empresa júnior de Administração da UFPI, Visconde de Mauá.


    O tema desse ano é “Conectando Pessoas, Compartilhando Ideias!” tendo como convidados Guilherme Junqueira (Diretor Executivo da ABStartups), Gabriel Bernarrós (Fundador e CEO da Ingresse S/A), Paulo César Coutinho (Professor, Consultor e Palestrante da área de Tecnologia, Gestão,Empreendedorismo, Inovação e Economia Criativa) e Larissa Maia (Secretária de Estado do Trabalho e Empreendedorismo).


    O evento é um momento importante para o aperfeiçoamento de ideias que surgem na área do mundo digital, networking, reciclagem, além de uma experiência multifocal.


    As inscrições são feitas pelo site http://vdemaua.com.br, na aba inscrições. 


    Em 10/10/13, 09:35 Comente!
busca
Mais Artigos
| © CidadeVerde.com 2014 | Todos do Direitos Reservados - Site by Masávio |