07/06/11, 09:46

Neymar e Ronaldo jogam juntos na despedida do Fenômeno da Seleção

No último jogo do Fenômeno pelo Brasil, Neymar é a estrela do grupo comandado por Mano.

Ronaldo foi a estrela da Seleção Brasileira até a Copa de 2006. De lá até anunciar a aposentadoria, no início de 2011, o jogador não foi mais lembrado para a amarelinha. Nesta terça-feira, às 21h50m (de Brasília), contra a Romênia, no Pacaembu, em São Paulo, o Fenômeno vai vestir o uniforme pela última vez em sua despedida da equipe nacional.

Porém, desta vez, o protagonismo não é do maior artilheiro da história das Copas do Mundo, com 15 gols, mas de um garoto de apenas 19 anos e que atende por Neymar. É isso mesmo, as atenções no adeus do ex-atleta do Corinthians estarão divididas com o mais novo "menino da Vila".

(Foto: Marcos Ribolli / Globoesporte)


E Ronaldo sabe que Neymar é protagonista. Após pendurar as chuteiras, o Fenômeno abriu uma empresa de gerenciamento e marketing de carreira, a 9nine, e adivinhem só quem foi o primeiro jogador a firmar contrato com o grupo. Isso mesmo. Neymar. Na véspera do confronto diante dos romenos, em coletiva de imprensa, o ex-camisa 9 da Seleção Brasileira não perdeu a oportunidade de passar a coroa e escolheu justamente o atacante do Peixe.

"Sem dúvida passaria a minha coroa para o Neymar. É um jogador com um talento imenso, tem muita margem para melhorar em muitos sentidos. Técnicamente e fisicamente. Mas o Neymar para mim é a aposta do futuro", disse Ronaldo.

Foto: Reuters


A partir dos 30 minutos do primeiro tempo, Neymar terá o privilégio de atuar com Ronaldo por 15 minutos na Seleção Brasileira. Será nesse momento que o Fenômeno entrará em campo para a despedida. No intervalo, o ex-atleta ainda será homenageado. No retorno para o segundo tempo, tudo volta ao normal, com um novo centroavante na vaga do maior artilheiro da histórias das Copas do Mundo.

Na véspera, Ronaldo já havia sido homenageado pela CBF no Hotel Cesar Park Guarulhos, que serve de concentração para a Seleção Brasileira. Além de entrar no salão monstado para o evento com o agasalho verde e amarelo, o ex-jogador ainda ganhou um relógio de luxo de um dos patrocinadores da CBF.

Mano promove seis alterações na equipe que vai encarar a Romênia

Para o amistoso desta terça-feira, Mano vai promover seis alterações na equipe em relação ao jogo diante da Holanda, no último sábado, em Goiânia. Saem Julio César, Ramires, Thiago Silva e Daniel Alves, liberados pelo treinador do grupo, e Elano e Lucas Leiva por opção. Entram Victor, Maicon, David Luiz, Sandro, Henrique e Elias. Tudo para o comandante observar os atletas e fechar a lista da Copa América, que será divulgada logo após o confronto no Pacaembu.

Mano já sabe com qual perfil de jogador quer contar na Copa América. Desempenho e atitudes dentro e fora de campo vão fazer diferença no momento de montar o grupo. Paulo Henrique Ganso e Alexandre Pato, que ainda se recuperam de lesão, podem pintar na lista de atletas que vai viajar para a Argentina.



Fonte: G1

| © CidadeVerde.com 2014 | Todos do Direitos Reservados - Site by Masvio |